Paralisação 15/05

Aberta ao amplo debate e ciente do prejuízo social causado pelo contingenciamento dos recursos da educação, promovido pelo Governo Federal, a Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UEMASUL) vem a público comunicar que respeitará a deliberação aprovada em assembleia aberta promovida pela comunidade acadêmica.

Uma vez que a paralisação foi aprovada democraticamente, a UEMASUL DETERMINA que as atividades acadêmicas do dia 15 de maio, quando acontece a greve nacional da educação, sejam FLEXIBILIZADAS.

A administração superior da UEMASUL compreende que a universidade pública, gratuita e de qualidade desempenha um importante papel para a sociedade, por meio do ensino, da pesquisa, da extensão e da inovação. E, é somente por meio do fomento a essas ações, com orçamento digno e executado com responsabilidade, que conseguiremos transformar o Brasil e um país com menos desigualdades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *