UEMASUL promove Seminário de Integração Acadêmica para recepcionar calouros e veteranos

Com o tema “Estado, políticas públicas educacionais e desenvolvimento regional”, a UEMASUL realiza nos dias 21 e 22 de fevereiro, o Seminário de Integração Acadêmica, envolvendo atividades de recepção para os calouros da instituição, do semestre de 2019.1. O Seminário acontece nos campi Imperatriz e Açailândia, e a programação conta com Aulas Magnas, apresentação da universidade e oficinas específicas para cada curso. O reitor do IEMA, o professor doutor Jhonatan Almada, ministra pela manhã a primeira Aula Magna, com o tema “A universidade e o desenvolvimento regional”, para os alunos de Medicina Veterinária, Engenharia Agronômica, História e Pedagogia.

Os ingressantes dos cursos de Administração, Ciências Biológicas , Letras – Inglês e Química participam à tarde da Aula Magna “Estado, Políticas Públicas Educacionais e Desenvolvimento Regional”, ministrada por Jesus Marmanillo Pereira, professor da UFMA. À noite, os calouros de Geografia, Física e Letras – Português contam com dois professores para a abertura, o vereador Carlos Hermes e o vice-prefeito de São Luís, Júlio Pinheiro, com a Aula Magna “O papel do estado no desenvolvimento educacional”.

Além das Aulas Magnas, os calouros participam de oficinas específicas de cada curso, para conhecerem melhor os temas do curso e a universidade. Durante a programação, é distribuído o Manual do Calouro, uma publicação feita pela UEMASUL para auxiliar e orientar os ingressantes. As atividades acontecem também no campus de Açailândia, no turno da tarde, para os cursos de Administração e Gestão Ambiental, com a Aula Magna ministrada por Karla Janis Lima da URE/SEMED.

“A cada início de semestre ficamos muito felizes e ansiosos para receber nossos alunos novos e rever os veteranos. Este ano temos uma grande programação para fazer o acolhimento dos calouros e integrá-los da melhor forma ao ambiente universitário, com oficinas temáticas para cada curso e as aulas magnas para a abertura. É um momento importante também, para refletirmos sobre o cenário atual das políticas públicas educacionais e o desenvolvimento regional, no âmbito da universidade. Esperamos que todos se sintam acolhidos e à vontade aqui”, destaca a Reitora da UEMASUL, Elizabeth Nunes Fernandes.

 

#PraCegoVer #UEMASULAcessível Na foto de fundo branco com o brasão da universidade à esquerda e com o a frase: Promovendo o desenvolvimento regional e democratizando o ensino superior, à direita, temos a Reitora da UEMASUL em pé com o microfone, e sentados à mesa servidores da universidade. Sete pessoas estão sentados de costas, fazendo parte da plateia.

UEMASUL lança editais durante Fórum de docentes

 

A Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão – UEMASUL, por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação – PROPGI  lançou durante a programação do I Fórum de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação dois editais: um que contempla seleção de proposta para cursos de Pós-Graduação Lato Sensu; e outro de bolsas de Iniciação Científica em Rede Imperatriz–Açailândia, Programa Institucional de Voluntários e  Iniciação Científica/PIVIC/UEMASUL em Rede Imperatriz–Açailândia.

O edital nº 01/2019 relacionado ao Lato sensu na modalidade de ensino presencial gratuito irá proporcionar atualização profissional e conhecimento. As solicitações de inscrição deverão ser encaminhadas via processo da UEMASUL, até 18 de abril de 2019, de 8:00h às 12:00h e 14:00h às 20:00h.

O edital nº 03/2019 PIBIC tem o objetivo de estimular pesquisadores produtivos a envolver estudantes de graduação nas atividades científicas, tecnológicas e artístico-culturais da UEMASUL, campi Imperatriz e Açailândia, incentivando a troca de competências locais e regionais no processo de aprendizado e produção do conhecimento por meio da pesquisa cooperativa em rede entre os campi de Imperatriz e Açailândia da UEMASUL.

As inscrições ao edital PIBIC estarão abertas até 19 de março de 2019, e ficam condicionadas à entrega da documentação impressa e digital.

A Pró-Reitora de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação Alinne da Silva destacou a relevância dos lançamentos dos editais para a UEMASUL e para a região Tocantina. “O lançamento desses editais são um marco muito importante na pesquisa cientifica e na formação de recursos humanos. Pela manhã tivemos o primeiro edital, de iniciação científica, onde os orientadores submeteram projetos que tem o objetivo de formar recursos humanos voltados para pesquisa, em busca de soluções de problemas em nossa região. À tarde tivemos o edital de Lato sensu, que visa selecionar propostas dos professores da UEMASUL para ofertas de cursos de pós-graduação na universidade, tendo como público alvo os egressos da UEMASUL e outros da nossa região, para formar recursos humanos aptos pro mercado de trabalho em várias áreas temáticas”.

UEMASUL convoca excedentes do PAES 2019

O cursos de graduação da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão com vagas a serem preenchidas são História, Administração, Engenharia Agronômica, Letras Português e Letras Inglês. A Coordenaria de Acesso ao Ensino Superior está contatando os convocados via e-mail e telefone para que compareçam e efetuem a matrícula.

O período de matrículas é de 18/02 a 20/02, e para isso, os calouros devem ter em mãos os originais e cópias do certificado de ensino médio com histórico escolar, cédula de identidade, certidão de nascimento ou casamento, certidão de quitação eleitoral, CPF, comprovante de residência, certificado de reservista ou de dispensa, se for do sexo masculino e maior de 18 anos, e uma foto 3×4 recente.

Em caso de não preenchimento destas vagas, os demais candidatos serão convocados, porém, não há data definida.

Confira o edital de convocação de excedentes.

#PraCegoVer #UEMASULAcessível Banner em fundo branco com as seguintes informações:
Paes 2019 – Convocação de excedentes .
Edital número 016/2019

Período de inscrição: 18 a 20 de fevereiro
Horário: 8h30 às 19h

Local: Secretaria acadêmica
Logo abaixo temos os endereços do site e das redes sociais da UEMASUL, lado a lado. Do lado direito a identidade visual da universidade.

II Encontro de formação e planejamento docente

Com o objetivo de dialogar com os docentes em um processo de partilha de conhecimentos sobre as atividades pedagógicas, inclusivas, organizacionais e administrativas da UEMASUL, a PROGESA, por meio da Coordenadoria de Projetos Pedagógicos, em parceria com a Pró- Reitoria de Planejamento e Administração- PROPLAD irá promover o II encontro de formação e planejamento docente durante dois dias.

#PraCegoVer #UEMASULAcessível Banner em fundo branco. Ao lado direito se lê: auditório da UEMASUL. Em seguida as informações: II Encontro de formação e planejamento docente. 19 e 20 de fevereiro de 2019. Logo abaixo temos os endereços do site e das redes sociais da UEMASUL, lado a lado. Do lado direito a identidade visual da universidade.

UEMASUL lança edital para o programa Mais IDH

A Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UEMASUL), por meio da Pró-Reitoria de Gestão e Sustentabilidade Acadêmica (PROGESA) lançou no último dia 12 o edital n° 013/2019 para projetos e orientadores do Programa de Bolsas de Extensão para o Mais IDH/UEMASUL.

As inscrições estão abertas até 12 de março de 2019, sendo necessária a entrega da documentação impressa e digital. A documentação impressa deve ser entregue no CSIS, de 8h às 12h, e das 14h às 18h. Já a documentação digital deve ser enviada em arquivo único, em PDF para o endereço de e-mail: divext.csis@uemasul.edu.br.

Atuando na área de extensão, o edital visa auxiliar e incentivar os pesquisadores a incluir os estudantes na realização dos seus projetos, desenvolvidos durante a graduação na UEMASUL. Serão disponibilizadas 10 bolsas com período de vigência de 6 meses.

Com o objetivo de devolver os investimentos feitos à sociedade, os projetos beneficiados são executados nas cidades da região Tocantina com menor IDH. A Pró-Reitora Regina Célia Costa Lima falou sobre os projetos executados. “São projetos destinados a outros municípios, com menores IDH, situados na área de abrangência da UEMASUL. Temos vários projetos desenvolvidos fora de Imperatriz, voltados para as agrárias, humanas, projetos que cuidam do meio ambiente, arborização e outros.”

O período de seleção do edital será de 13 a 25 de março de 2019, e você confere o edital completo aqui.  A divulgação dos resultados acontece até o dia 29 de março de 2019.

 

#PraCegoVer #UEMASULacessível  Na foto, um grupo de jovens acadêmicos está reunido no pátio de uma escola, conversando. Ao fundo se vê algumas árvores. Dois estudantes estão de costas, e os outros quatro de frente.

Egresso da UEMASUL lança livro a convite de editora alemã

A produção de conhecimento deve ser uma das tônicas de uma universidade, garantindo a democratização do saber. É nesse contexto que o egresso do curso de História da UEMASUL Wekslley Machado publicou seu primeiro livro: “Templários: Entre a pureza e a sodomia no século XIV”. Wekslley foi pesquisador do Núcleo de Estudos Multidisciplinares de História Antiga e Medieval (NEMHAM). A obra historiográfica é produto da monografia produzida durante a graduação sob a orientação do Prof. Me. Fabrício Nascimento de Moura. No processo de submissão, o livro teve a colaboração do Prof. Dr. Marcus Baccega, da UFMA.

O NEMHAM reúne pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento em Antiguidade e Medievo, e tem como objetivos estabelecer o diálogo e a interação entre as Universidades brasileiras e estrangeiras que desenvolvem pesquisas nestas áreas do conhecimento histórico. O núcleo integra o grupo Diretório de Pesquisa da CNPq e trabalha atualmente com as linhas de pesquisa: Poder e Discurso; Sociedades, Cultura e Imaginário Social; Estruturas Econômicas; Gênero e Identidade.

Como aconteceu

Um artigo de Wekslley, que fazia parte da monografia produzida, foi publicado no informativo de história da UERJ, no último semestre de 2018. Alguém da editora Novas Edições Acadêmicas leu o artigo.  Wekslley recebeu o convite por e-mail da editora-chefe do grupo SAI OmniScriptum Publishing, uma editora alemã, para publicação. Depois realizar todos os ajustes solicitados, ele enviou o trabalho completo, e para sua surpresa, no dia 10 de dezembro de 2018 o livro “Templários: Entre a pureza e a sodomia no século XIV” já estava à venda no Brasil e no mundo.

A obra

O livro conta um pouco da história do processo inquisitorial da Ordem dos Cavaleiros Templários, formada após a primeira Cruzada por Cavaleiros Cristãos dedicados ao Santo Sepulcro de Jerusalém. Os Templários tinham a intenção inicial de proteger os peregrinos dos ataques islâmicos. Durante o Medievo, a igreja dominava o cenário religioso europeu e assumia plena autoridade no que se referia às relações sociais. Durante o início do século XIV, a Ordem dos Cavaleiros Templários foi vítima de um processo inquisitorial que os acusava de terem praticado entre outros atos, práticas sodomitas. Como resultado desse julgamento, a Ordem foi dissolvida e grande parte de seus membros morreu devido à ganância do rei Felipe, o Belo.

O autor

O historiador Wekslley Machado, tem 22 anos, é natural de Amarante- MA, e concluiu o curso em 2018. Seus olhos brilham quando fala do livro. “É a realização de um sonho. Gosto de escrever, mas, sempre achei que fosse algo inalcançável. Não só por causa de estar no interior do estado, mas, também porque sempre achei que isso fosse privilégio de poucos. Mas, vi, que na verdade, a gente pode sim, com muita batalha, muita luta, e claro, muita perseverança, E com muito trabalho, graças a Deus eu consegui hoje publicar o meu livro. Acredito que esse é o primeiro de muitos, depois do mestrado e doutorado que pretendo fazer”.

 

#PraCegoVer #UEMASULacessível A foto tem como fundo prateleiras de livros da biblioteca da UEMASUL. O historiador Wekslley Machado mostra o livro de sua autoria: Templários: Entre a pureza e a sodomia no século XIV.

Matrículas para calouros da UEMASUL seguem até o dia 08 de fevereiro

As matrículas da primeira chamada para os aprovados no  Processo Seletivo de Acesso à Educação Superior – PAES 2019, para os cursos da UEMASUL iniciaram dia 04 e acontecerão até o dia 08 de fevereiro nos campi Imperatriz e Açailândia. Neste semestre, 13 das 17 graduações da universidade terão novas turmas, totalizando 495 vagas.

Para efetuar a matrícula, os calouros devem ter em mãos os originais e cópias do certificado de ensino médio com histórico escolar, cédula de identidade, certidão de nascimento ou casamento, certidão de quitação eleitoral, CPF, comprovante de residência, certificado de reservista ou de dispensa, se for do sexo masculino e maior de 18 anos, e uma foto 3×4 recente.

A responsável pela secretaria Acadêmica, Maurília Modesto, chama a atenção para a certidão de quitação eleitoral. “Esta certidão deve ser emitida pelo site do tribunal Superior Eleitoral -TSE. Ela é indispensável. O título eleitoral acompanhado do comprovante de votação não é aceito. O certificado de ensino médio e o histórico escolar também precisam ser apresentados neste momento”.

Finalizado este período de matrículas, estima-se que em, uma semana devem ser convocados os candidatos excedentes, que deverão estar atentos à convocação para comparecer à universidade e efetuar as matrículas.

 

#PraCegoVer #UEMASULacessível

Na imagem, tendo ao fundo um mural de notícias azul, uma jovem caloura com documentos em mãos está em frente ao balcão de atendimento da secretaria da UEMASUL para se matricular. Do outro lado do balcão, a atendente da universidade confere os documentos apresentados pela jovem.