Conselho Universitário da UEMASUL aprova cursos de especialização e resolução para a Estatuinte

 

Órgão máximo de deliberação da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão, o Conselho Universitário realizou sua última reunião do ano, que foi marcada por pautas importantes para o desenvolvimento da instituição. A reunião ordinária foi aberta com a posse da nova conselheira, a representante discente Maria Rebeca Sousa Oliveira do Centro de Ciências Humanas, Sociais, Tecnológicas e Letras, campus Açailândia. A estudante substitui um colega também de Açailândia. “É muito importante que nós do campus Açailândia possamos estar representados dentro do CONSUN. Esta foi a minha primeira reunião e foi muito proveitosa, principalmente por deliberar pautas tão importantes para nossa universidade como a aprovação dos projetos para os cursos de Pós-Graduação”, afirmou a estudante.

Para 2019 a UEMASUL contará com dois programas de Pós-Graduação Stricto sensu, oferecendo os cursos de especialização em Matemática Aplicada e Física e também Linguagens, Literatura e Sociedade. “Nesse primeiro momento a oferta será de dois cursos gratuitos para a comunidade, que iniciam já em 2019 e que vão atender à uma demanda reprimida que temos na cidade. Ainda em 2019 será lançado outro edital Latus sensu, especificamente no mês de fevereiro, para cursos de especialização nas áreas de Ciências Humanas e Ciências Agrárias”, afirmou a Pró-Reitora de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação Alinne da Silva.

A oferta de cursos de especialização já estava prevista no Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da UEMASUL e representa mais um passo importante para a consolidação de uma política de oferta de pós-graduações na instituição. “Concluí o meu curso em 2016 quando ainda era UEMA e a expectativa para um especialização na minha área era praticamente zero. Agora estou na expectativa que a UEMASUL nos dê esta oportunidade sem que a gente tenha que sair da nossa cidade”, afirmou o egresso Luis Lopes.

ESTATUINTE

O Estatuto é o documento que se refere às normas que regulamentam o funcionamento de uma universidade (estrutura, administração e suas atividades). Ele regula o funcionamento da instituição, bem como os direitos e obrigações de seus membros. Por força da lei, a UEMASUL ainda utiliza o Estatuto da Universidade Estadual do Maranhão, mas, por unanimidade, o CONSUN aprovou a metodologia para o processo Estatuinte da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão.

A elaboração da estatuinte consiste em processo consultivo e deliberativo que tem por objetivo geral elaborar uma proposta para o Estatuto da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão – UEMASULcom a participação de todos os segmentos da universidade (servidores docentes, servidores técnicos-administrativos e discentes). O Estatuto é o conjunto de leis internas que irá reger existência da universidade.

Para a Reitora Elizabeth Nunes Fernandes foi uma grande satisfação a aprovação da normatização. “A aprovação da resolução que normatiza a estatuinte é um grande marco na construção da UEMASUL. Por meio da estatuinte teremos a construção do estatuto de forma democrática, coletiva e com a participação da comunidade acadêmica durante o processo”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *