UEMASUL e Banco do Brasil promovem palestra para empreendedores de Carolina

O Brasil ocupa o primeiro lugar no ranking de países no qual as pessoas mais investem no seu próprio negócio, consequentemente, ocupa também o primeiro lugar dentre os países que mais fecham as portas das suas empresas. O tempo médio de vida de uma empresa no Brasil é de pouco mais de 5 anos. Levando em consideração este contexto, a Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão, em parceria com o Banco do Brasil da cidade de Carolina, promoveu a palestra “Gestão Financeira de Negócios”, ministrada pelo Mestre em Gestão e Desenvolvimento Regional, professor Thiago Sousa Silva, do Curso de Administração da UEMASUL.

A gerente do Banco do Brasil em Carolina, Suyane Backman, ressalva a importância do evento para a população empreendedora da cidade e também para estudantes do Instituto Federal do Maranhão, que também se fizeram presentes. “Trazer essa palestra para o município é enriquecer o conhecimento, sair do paradigma de estar só no conhecimento do senso comum, e trazer para um conhecimento específico, conhecimento teórico”. O gerente também aponta a importância da parceira entre o Banco do Brasil e a Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão. “Trazer uma universidade como a UEMASUL  é essencial pra gente enriquecer a cultura do administrador carolinense, para que possa agregar valores a administração do empresário “.

“Acredito que aqueles que já trabalham na área, podem começar a ter algumas reflexões acerca do que foi dito e rever os seus processos e fazer algum tipo de mudança do seu negócio, e ter esse despertar inicial para esse tipo de mudança”. Afirma o Prof. Msc. Thiago Sousa, que avaliou positivamente o resultado da palestra, dado a dificuldade enfrentada pelos pequenos empresários nos dias atuais.

Natal da Penha, presidente da Câmara de Dirigentes Logistas de Carolina, destacou os benefícios da palestra aos empreendedores da cidade, expondo suas maiores dificuldades e contando suas principais aspirações. “São assuntos muito pertinentes ao mercado, principalmente na questão da inadimplência, e também na questão da gestão financeira pelos pequenos empresários, então espero que eles tenham assimilado todas as informações, e que eles utilizem de uma forma boa”, afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *