UEMASUL completa 1 ano de credenciada junto ao Conselho Estadual de Educação

A criação da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão foi um marco para o desenvolvimento regional e para a democratização do ensino superior na região Tocantina, e em todo o Maranhão. E, em seu caminho de implantação e consolidação, o principal desafio a ser superado foi o credenciamento da instituição junto ao Conselho Estadual de Educação (CEE).

“Para a universidade, o credenciamento é a certidão de nascimento, o documento máximo que permite o pleno funcionamento e que abre os horizontes para a expansão da instituição. É uma data para celebrarmos, mas, também para nos lembrar onde deveremos chegar daqui quatro anos, quando deveremos submeter a UEMASUL ao recredenciamento”, afirmou a reitora Elizabeth Nunes Fernandes.

Ao longo desse primeiro ano de credenciada, a UEMASUL já pode emitir os seus próprios diplomas, diminuindo drasticamente o tempo de espera do formando para receber o seu diploma. Outro avanço com o credenciamento foi a possibilidade de criação de novos cursos e centros. A expectativa é que em 2019 o Centro de Ciências Agrárias, Naturais e Letras, que funcionará em Estreito ofereça mais 4 cursos de graduação, além do Centro de Ciências da Saúde que implantará o curso de Medicina em Imperatriz.

“Novos cursos significam mais vagas, mais oportunidades para o estudante acessar o ensino superior sem precisar sair da sua cidade ou da sua região. Eu que almejo ser médico, torço todos os dias para que a UEMASUL continue nesse crescimento”, afirmou o estudante Matheus Sobral, que concluirá o ensino médio em 2019.

O grande e esperado anúncio do credenciamento foi feito no dia 14 de Dezembro de 2017, antes mesmo da UEMASUL completar 1 ano de funcionamento. Depois do relatório da Comissão de Avaliação e do parecer favorável da Câmara de Ensino Superior, o plenário do Conselho Estadual de Educação aprovou por unanimidade o credenciamento da UEMASUL por 5 anos, prazo máximo que pode ser dado a uma instituição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *